MISSA AO VIVO

Bem-vindo(a) a Paróquia Santa Cecília e São Pio X

Depois de 67 anos de presença Scalabriniana no Brasil nos Estados Sulinos, os Superiores decidiram abrir uma nova missão na então Capital Brasileira, Rio de Janeiro por ocasião da canonização de São Pio X (Beatificado em 1951) no dia 3 de setembro de 1954 pelo Papa Pio XII. Pio X foi quem por primeiro recebeu de Scalabrini a proposta (Memorandun “Pro Emigratis Catholicis” Placencia, 05-05-1905) de criar uma estrutura eclesial ao serviço dos migrantes. Atualmente São Pio X é o Padroeiro dos Peregrinos enfermos. Como podemos ver a relação entre ambos era de um grande desafio e de comunhão para a época em que a Europa passava por uma crise de desemprego e de emigração em massa por causa da industrialização e da concentração das terras.

A Congregação por ter sido fundada por um Bispo Italiano para os Italianos que saiam da Itália (No princípio) e pelo fato de que a maioria de seus missionários eram também Italianos e o Papa Pio X canonizado também era Italiano fez com que se fundasse uma nova missão Scalabriniana no Rio para atender e acompanhar os Italianos do pós 2ª guerra mundial.

Assim foi então que em Março de 1954 chegaram os primeiros missionários: Mário Consoni e Antônio Gallo para dar início a nova missão Scalabriniana para os Italianos, porém tiveram que dar início um pouco distante do Centro e foram morar de caridade na Rua Aturia, 110 no Instituto Nossa Senhora das Dores, na antiga Estrada do Quitungo em Brás de Pina. A conjuntura do Brasil neste momento era de uma forte migração interna em que milhões de Nordestinos emigraram para o Sudeste de modo especial São Paulo e Rio de Janeiro (Em duas décadas mais de 3 milhões chegaram ao Rio).

Nos ajude com sua doação e o seu dízimo aqui.

Horário das Missas

 

2ª feira – às 19h

 

3ª feira – não há Missa

 

4ª feira – às 19h

 

5ª feira – às 19h

 

6ª feira – às 19h

 

Sábado – às 19h

 

Domingo – às 8h, às 10h e às 19h

Atividades

Stella Maris Rio

O inicio da estrutura eclesial do Apostolado do Mar se faz iniciar aos 1920, Glasgow em Inglaterra por obra do Sr. Peter F.Anson, um convertido do anglicanismo.

Pastorais

Pastoral, é serviço, ação, trabalho desenvolvido pela Igreja. Não se resume em grupo de pessoas, mas em ação organizada e dirigida pela Diocese e Paróquia para “atender” determinada situação em uma realidade específica. Pastoral vem de Pastor. Por isso é importante destacar que “FAZER” pastoral é fazer o que Jesus fez.

Pilares

GRATIDÃO

Pela participação de todas as pessoas e da comunidade na construção desta linda historia de amor, de promoção humana e de comunhão durante estes 50 anos.

CELEBRAÇÃO

Da vida e das condições dignas para que todas as pessoas tenham vida e vida plena. (Jo. 10, 10). Em comunhão com o ano da MISERICORDIA NA IGREJA.

RECONHECIMENTO

Pela historia de acolhida aos migrantes, refugiados pobres e marinheiros através da Missão Scalabriniana do Rio de Janeiro (Santo Antônio - Brás de Pina e Sta. Cecília e S. Pio X – Botafogo).

CONTINUIDADE

Do carisma original desta missão, o de acolher, escutar e acompanhar sócio e espiritualmente as pessoas, através dos serviços, movimentos e das pastorais em comunidade.

COMPROMISSO

Com as pessoas deslocadas e forçadas a migrar por razões econômicas, políticas, sociais e climáticas. Compromisso com as conseqüências e os desafios atuais das migrações e do refúgio sem precedentes na história da humanidade.

CUIDADO

Sensibilidade e responsabilidade para com o meio ambiente, o planeta em que vivemos e habitamos, nossa casa comum. “Laudato Si” (Papa Francisco). Colocando no centro o cuidado com SER HUMANO como administrador responsável da mesma.

CUIDADO

Sensibilidade e responsabilidade para com o meio ambiente, o planeta em que vivemos e habitamos, nossa casa comum. “Laudato Si” (Papa Francisco). Colocando no centro o cuidado com SER HUMANO como administrador responsável da mesma.

CUIDADO

Sensibilidade e responsabilidade para com o meio ambiente, o planeta em que vivemos e habitamos, nossa casa comum. “Laudato Si” (Papa Francisco). Colocando no centro o cuidado com SER HUMANO como administrador responsável da mesma.
Open chat